Stacking Hours For Not Saying Never Ever

______________________________________________________________

 

 

Somando Horas Para Não Dizer Jamais

 

Continuo a morrer
A cada momento
Para logo renascer
Na dor e tormento
De não mais ser

 

Viver sem
É morrer também
Pouco a pouco
Dia a dia

 

E enquanto prolongo as horas
Notas de desfeito andamento
É só silêncio
Que acrescento
À tua ausência ainda pesada

 

Pausa perfumada
Por essência de rosa
De haste derradeiramente

 

V
     E
           R
                  G
                         A
                  D
           A

 

Advertisements

2 thoughts on “Stacking Hours For Not Saying Never Ever

Comments are closed.